quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Projeto Jovens Protagonistas mobiliza adolescentes para ações de cidadania

     Os projetos do Jovens Protagonistas estão acontecendo a todo vapor. Desde o início do mês os beneficiários do Projeto Profissionalizante estão, junto dois seus tutores realizando as ações que serão apresentadas no dia 6 de outubro para uma banca examinadora.
Ao todo são seis ações que estão movimento so alunos, profissionais e o bairro do Parque Imperial. Os grupos farão a revitalização de espaço público; contação de histórias, resgate de brincadeiras, circuito de palestras sobre mercado de trabalho em uma escola da região; arrecadação e doação de alimentos para famílias; acompanhamento de atendimento ao morador de rua e ação para o empoderamento feminino.
O projeto contribui para o crescimento pessoal de cada adolescente, estimulando a comunicação oral e escrita, criatividade, cidadania, planejamento, proatividade, protagonismo, além da sensibilização para questões sociais.


















terça-feira, 17 de outubro de 2017

Dia das Crianças no Cepac

Na última quinta-feira, 11 de outubro, aconteceu a Festa de Dia das Crianças para o projeto Semeando o Futuro. A festa teve balão pula-pula, cama elástica e touro mecânico. Além disso, as crianças tiveram um lanche diferente com espetinho de frutas, pipoca e algodão-doce. 
Para que a festa se realizasse foram recebidas doações de parceiros e empresas. 



















quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Semeando visita a Secretaria de Desenvolvimento Social

Em 21 de setembro um grupo de crianças do Projeto Semeando o Futuro visitaram a Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social de Barueri. Além de conhecer as instalações foram recebidos por funcionários e também pela primeira dama, Sônia Dias Furlan, que incentivou eles a desenvolverem ações sociais e para cidadania. A ação foi organizada pela assistente social Fabiana Cristina e a instrutora de cidadania Cida Magalhães.






quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Mães do Projeto Semeando o Futuro participaram de atividades especiais

 

As mães do Projeto Semeando o Futuro participaram de duas atividades especiais: uma sessão de cinema e uma palestra sobre violência contra a mulher.
O Cine Pipoca aconteceu no Cepac, em 12 de setembro. O grupo assistiu ao filme "A Cabana". Antes de assistir o filme elas participram de uma dinâmica organizada pela assistente social, Fabiana Cristina, e a psicológa Letícia Dipold, sobre situações de superação.
Em 19 de setembro, outro grupo de mães participou da palestra sobre a violência contra mulher e os dispositivos que a justiça oferece para sua proteção. Foram convidadas para conversar sobre o assunto a assistente social Edwiges Rosendo Watanabe e a representante da Coordenadoria de Direitos Humanos e Enfrentamento a Violência de Gênero, Luciana Ribeiro.
 








Minha história com o Cepac - Promotor de Justiça Luís Roberto Jordão Wakim

O Promotor de Justiça de Barueri, Luís Roberto Jordão Wakim, iniciou sua carreira em 1996 e desde então sempre atuou na área de defesa da criança e do adolescente. Ele considera como primordial para se trabalhar nessa área ter admiração por essa fase da vida e gostar de estar em contato com ela. “O que me atraiu também foi a necessidade que a gente ainda tem de defesa e conquista de direitos sociais e atuação firme para que eles possam ser garantidos”, completa Wakim.
Mesmo com os avanços na área de garantia e defesa de direitos ele considera que ainda existem pontos que precisam ser aprimorados como o oferecimento de cultura, lazer e esporte nos bairros. “A falta de oferta traz consequência muito graves e faz com que eles busquem outras referências. Se a gente oferta formação, cultura e lazer eles podem fazer outra opção por estar envolvido em outras atividades”, ressalta ele. 
O Cepac mantém atualmente o serviço de Acolhimento Institucional – Casa Glorinha para casos de crianças e adolescente que foram afastados da família, um serviço essencial dentro do município . “As crianças e adolescentes são encaminhadas por terem seus direitos violados pelos pais, responsáveis ou pelo próprio estado. É um serviço de proteção muito importante”, explica o Promotor. 
A opção pelo afastamento da família ocorre em caráter temporário e excepcional, ou seja, é realizado um trabalho junto à família para que a criança e adolescente retorne para seus lares. O promotor ressalta que essa ação não pode ser a primeira alternativa. Dentro da rede serviços socioassistenciais são realizadas diversas ações para que seja evitado, mas quando existe a violação de direitos é necessário que a criança seja retirada da família.
“O ideal é que não ocorra o afastamento, a primeira coisa como meta da sociedade é garantir direitos. Quando existe uma potencial violação de direitos em algum lar o município tem que efetivar uma ação para proteção”, explica Wakim. 
Os serviços oferecidos no Cepac, como o caso dos projetos Semeando o Futuro, Profissionalizante e Aprendiz Cidadão, colaboram para que potenciais casos de violação de direitos possam ser prevenidos. “Todas as ações que o Cepac realiza são importantes para a prevenção e consagração de direitos. Ofertar a capacitação profissional é ofertar um futuro melhor”, completa Wakim . 
Prestes a completar 25 anos o Cepac atende cerca de 500 crianças e adolescentes, na unidade do Parque Imperial,  no serviço de convivência e fortalecimento de vínculos. "O tempo de existência da instituição é de admirar! Não é fácil fazer o trabalho que se faz por tanto tempo, com seriedade e transparência", ressalta o Promotor.