segunda-feira, 9 de maio de 2016

Do Parque Imperial à 'Gringa'

Por Cléber Santiago

A Ester, aluna da instituição desde os 10 anos, é um dos 20 felizardos que têm o privilégio de aprender inglês com os volunteachers da LeasePlan. Hoje com 16 anos, a garota fez um teste nas instalações do Cepac, passou e agora estuda na empresa em Alphaville.

“Não foi difícil! As perguntas, a prova... enfim, a forma com que vieram conversar conosco e como explicaram o processo foi muito importante para nos dar confiança”.

Após a aula inaugural, realizada na sede do Cepac, que contou inclusive com a participação do presidente da empresa no Brasil, Fábio Costa, ela e os demais colegas do Projeto Profissionalizante passaram a ter aulas no escritório: “O primeiro dia foi muito bacana, conversaram com a gente, fizemos um tour e nos apresentaram os departamentos, fomos muito bem tratados ao chegarmos lá”.

Ester mostra animação – dela e do grupo, em relação ao curso: “É uma oportunidade muito boa, estamos gostando bastante”. Ela particularmente, diz que aprender inglês é essencial, pois além de ser “a língua mais falada no mundo”, estuda Publicidade e Propaganda no Instituto Tecnológico de Barueri e considera o idioma ideal para a área.

Embora o clima seja de entusiasmo, a adolescente assume que nem sempre as coisas foram assim: “Antes eu não sei se gostava, se queria. Mas quando eu passei, decidi que iria me esforçar, pois valia a pena. Hoje eu acho super legal! Quero me jogar ‘na gringa’”, em referência a fazer um intercâmbio no exterior futuramente.

O estímulo da família é vital para o bom desempenho dos estudos: “Minha mãe me cobra constantemente. Ela acredita que tem que ficar no pé, mas me apoia muito”. Esse mesmo estímulo que recebe daqueles que vivem em casa é o combustível que move o sonho de poder ser capaz de compartilhar o conhecimento adquirido no futuro. Ester quer ser voluntária, para que outros possam trilhar o caminho por onde ela passou. Ela deixa o seu recado: “Você tem que se esforçar muito porque, no final, valerá a pena”.

Cléber é jornalista, responsável pela Comunicação Institucional do Cepac a partir de 2016.