terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Mutirão de embelezamento do Cepac

O Cepac realizou em 17 de dezembro o Mutirão verde na casa amarela a fim de dar uma novo layout para espaço trazendo o conceito de sustentabilidade.  Os voluntários, colaboradores, familiares e beneficiários do Cepac realizaram o plantio de flores e plantas, fixação de floreiras, pintura de paletes, pintura da parede, novo grafite e organização de materiais.
Durante todo o ano foi desenvolvidos com os adolescentes do Projeto Profissionalizante atividades voltadas para a sustentabilidade com destaque para a Horta do Cepac.




















Crianças tem dia especial no sítio

Neste ano o Cepac trocou a tradicional “sacolinha de Natal” por um dia especial no sítio. Em 5 de dezembro, as crianças do Projeto Semeando o Futuro aproveitaram um dia inteiro em um sítio localizado em Araçariguama. 
 A ação teve sucesso por meio do “apadrinhamento” das crianças. O dia foi muito proveitoso, o espaço dispunha  de piscina, campo de futebol, salão de jogos e ainda foi realizado um bingo. Além disso, foi servido um almoço com churrasco.









Beneficiários Projeto Profissionalizante tem Ceia de Natal

Os beneficiários do Projeto Profissionalizante foram recepcionados pelo Cepac, em 9 de dezembro, para uma Ceia de Natal. A ação finaliza as atividades deste ano e oferece para os beneficiários um momento de confraternização e fortalecimento de vínculos.

Minha História com o Cepac


Meu nome é Filomena Maria de Assis Pinheiro, mãe do Nathan Assis Pinheiro, é com muita satisfação quero expressar a alegria de conhecer o Cepac.
    No ano de 2007 eu via uns pré-adolescentes passando de camisetas amarelas, perguntei a minha vizinha o que era e ela respondeu: “São alunos do Cepac”. Então eu pedi que me explicasse, sem perca de tempo vi que o Nathan iria completar em 2009, 10 anos, fui até lá e o matriculei.
    Para minha surpresa logo ele foi chamado, amava ir ao Cepac três vezes por semana, todas às vezes voltava cheio de novidades. No decorrer dos dias fui vendo que não era apenas um lugar de passatempo, mas sim onde aprenderia muito.
      Com 12 anos Nathan se tornou muito tímido e me preocupava, passando os anos ele chegou e disse: “Mãe, vou fazer teatro no Cepac”. Fiquei feliz, pois sabia que ele iria ser uma pessoa diferente, pois o teatro abriria sua mente e a timidez deixada para trás.
      Passando-se os anos Nathan era um jovem falante e comunicativo com todos. Eu e meu esposo vimos que era o teatro dentro do Cepac que contribuía para o progresso de nosso menino. Então Nathan ficou sabendo de um curso no SENAI de eletrônica, correu e fez a inscrição. Fez a prova e passou. Quando já estava no curso do SENAI eles o dispensaram por não ter concluído ainda a oitava série. Resolvemos que o Nathan voltaria para o Cepac, falamos com ele e ele aceitou, pois até aqui ele tem sido um filho obediente.
   E voltando foi bem recebido por todos, passando três meses ele me falou que não queria ir mais para o Cepac. Com muita insistência e conversa convencemos ele a continuar.
     Chegando ao final de 2015 fiquei muito preocupada pensando, meu Deus onde o Nathan vai trabalhar, não conheço ninguém influente, mas sabia que Deus cuidava de nós e o Cepac seria o veículo que Deus usaria para abençoar e dar o primeiro emprego ao Nathan. Numa quarta estou eu limpando a casa e recebi um telefonema do Cepac convidando o Nathan para participar de um processo seletivo na empresa Tyco.
  Meu Deus era realidade, mas parecia sonho! Dezembro de 2015, tudo foi muito rápido. No dia seguinte, Nathan se arrumou tão lindo, alegre e foi fazer a entrevista. Finalmente terça-feira, todos ansiosos, amanheceu mais um dia de Cepac para Nathan, quando chegou em casa às 13h20 chamou, mãe vem cá, pai, vó, até a cachorrinha mais linda, nossa Belinha, ele chamou e disse: “Passei! Passei!”
    Foi um corre-corre, abraços, choro, agradecimento a Deus. Toda essa alegria foi o Cepac que nos proporcionou, a influencia boa que nos faz sentir apoiados. Nathan, um menino de 16 anos trabalhando em um setor financeiro com um salário que muitos pais de família não ganham para sustentar seus filhos. E neste final de ano a notícia não poderia ser melhor: Nathan foi efetivado na empresa!
    Cepac você foi o alicerce na minha vida profissional do meu filho, Deus abençoe a todos vocês, nosso muito obrigado Marisa, Filipe, Kauê, Jane, Valéria, as meninas da recepção, as tias da cozinha que preparam tudo gostoso com muito carinho.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Retrospectiva 2016

Em 8 de dezembro, no Centro de Eventos Barueri,  aconteceu a Retrospectiva 2016 do Cepac. A atividade reuniu os beneficiários, familiares, amigos, apoiadores e parceiros para uma mostra de resultados das atividades realizadas durante o ano.
A cerimônia foi iniciada pelo Presidente do Cepac, Carlos Meismith, que agradeceu em sua fala a presença dos parceiros em um ano de muita luta e perseverança como foi 2016 e a necessidade estreitar esses vínculos no próximo ano.
Para abrilhantar a abertura a cantora Selma Fernandes fez uma participação especial cantando a música Trem bala enquanto era formada a palavra gratidão pelo público.
As apresentações tiveram início com o Projeto Semeando o Futuro com a coordenadora pedagógica, Jane Lima. O primeiro grupo a se apresentar cantou a música Clube da Esquina II e em seguida embalaram o Funk do Cepac criado pelos pelos beneficiário. Também aconteceram as apresentações de Libras, teatro e dança.
O Projeto Profissionalizante foi apresentado pela coordenadora pedagógica, Valéria Dias. Foram convidados para dar depoimentos Cecília, mãe de Flávio da Conceição, e a beneficiária Camila Sena.
Os beneficiários que participaram do curso de Inglês ministrado pela Lease Plan receberam, das mãos de Fabio Costa, Presidente da empresa, e dos Volunteachers, os certificados do curso. O presidente da empresa ressaltou a necessidade de nutrir os sonhos dos adolescentes.
Dando continuidade com o Projeto Aprendiz Cidadão foram convidados os aprendizes Itanael da Guia Cardoso e Luiz Paulo para relatarem a sua experiência no Cepac e entrada no mercado de trabalho. Em seguida, foi ouvido o relato da Filomena Assis Pinheiro,  mãe do ex-aprendiz Nathan Assis.
Para finalizar a Retrospectiva os parceiros presentes receberam uma pequena homenagem por serem responsáveis por fazer sonhos se tornarem realidade.

Assista os vídeos que foram apresentados
Semeando o Futuro: https://goo.gl/xfa9hJ
Profissionalizante: https://goo.gl/teQpvp
Aprendiz Cidadão: https://goo.gl/rC4v1k








quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Cepac no parque

        Muita diversão rolou com o Cepac no parque! Em 18 de novembro os beneficiários do Projeto Profissionalizante aproveitaram para praticar esportes e passar algumas horas com a natureza. 
A atividade foi uma oportunidade para os adolescentes mostrarem suas habilidades pessoais, terem um momento de convivência com os instrutores e demais beneficiários e, também, ocuparem espaços públicos do local onde moram. 






Adolescentes fazem passeio para o Sesc Itaquera

Na quarta-feira, 30 de novembro, os beneficiários do Projeto Profissionalizantes passaram o dia no Sesc Itaquera. Foi um dia de muita diversão, no qual os adolescentes puderam aproveitar o parque aquático, as quadras de esportes  e os espaços de convivência.






Aprendizes viajam com o Cepac


Mais um Intercâmbio Cultural aconteceu entre os dias 24 e 27 de novembro. Os beneficiários do projeto Aprendiz Cidadão viajaram para Florianópolis, Santa Catarina.
Essa é uma oportunidade especial oferecida pelo Cepac para que os adolescentes possam visitar outros lugares e realidade do país e, assim, ampliar o seu repertório cultural e social.


quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Cepac realizou diversas atividades no mês da Consciência Negra

Em 18 de novembro, o Projeto Semeando participou de um bate-papo sobre Estética Negra com a filosofa e arte educadora Bruna Jesus. Os participantes ganharam um kit de beleza com turbantes e cremes de cabelo doados pela Salon Line.
                Na tarde do dia 21 de novembro, a arte educadora, Sheyla Silva, realizou uma oficina de bonecas Abayomi feitas de retalhos de tecidos.

                Para completar esse mês tão especial o Cepac recebeu a Exposição Afro 2016 resultado do trabalho de empoderamento e autoestima realizado com as crianças e adolescentes do projeto. Além do ensaio fotográfico com um grupo de alunos, também foram expostos textos e imagens sobre a cultura negra.









Minha história com o Cepac

No Cepac, Thiago Pereira dos Santos, está em família. Além dele, dois de seus primos são beneficiários do Projeto Aprendiz. Ele conta que entrou para o Projeto Semeando o Futuro em 2012. Na época um de seus primos já frequentava o Cepac e sua tia indicou a instituição.  “Conhecia pessoas que vinham para o Cepac, mas pensei que ia ficar deslocado. Quando cheguei, só tinha amigos e foi fácil me adaptar”, conta Thiago. 
Como beneficiário do Projeto Profissionalizante, Thiago participou do processo seletivo para a empresa Delpak em novembro. A boa notícia chegou logo: iniciará 2017 já como Aprendiz na empresa, uma grande conquista nesse ano. 
Para ele essa será a oportunidade de trabalhar em uma área que gosta. “Meu sonho é fazer uma faculdade de logística e já quero começar a investir e guardar dinheiro para isso. Desde a aula do Professor Paulo, que me ensinou muita coisa, eu comecei a gostar dessa área”, relata ele.
Há 5 anos frequentando o Cepac, Thiago já participou de muitas atividades, mas a que mais gosta são as oficinas de redação e cidadania: “essas aulas tratam de temas atuais do nosso mundo”. 
Preste a ingressar em uma nova etapa, se tornando Aprendiz, Thiago já pensa no futuro e em como poderá retribuir o que foi feito por ele até aqui. “Eu me vejo uma pessoa e profissional melhor. Quero chegar lá na frente e ver quem me ajudou e poder ajudar também, retribuir tudo o que eu ganhei”, deseja ele. 


Semana Verde

Na primeira semana de novembro os beneficiários do Projeto Profissionalizante participaram de uma série de atividades da Semana Verde. Dando continuidade ao projeto da Horta do Cepac eles participaram do Workshop de Compostagem com o João, da empresa Natur, e realizaram o manejo da horta.
Outra atividade que mobilizou os adolescentes foi a Oficina de Azulejos que comporão o painel em produção pelos beneficiários. Foram escolhidos os desenhos e a temática dado o início a pintura dos azulejos.
Na mesma semana para complementar o projeto de sustentabilidade do Cepac foi instalada a cisterna para captação da água da chuva.

A Semana Verde é uma atividade desenvolvida com o apoio do Grupo Freudenberg.